20 de abril de 2022

Depilação com cera deixa a pele flácida? Veja mitos e verdades

depilação com cera deixa a pele flácida

Uma dúvida comum entre as mulheres é se a depilação com cera deixa a pele flácida ou não. Além disso, há questionamentos também a respeito das diferenças nos resultados com cera quente e fria, cuidados necessários para evitar danos à pele, entre outros. 

Nós vamos esclarecer algumas das dúvidas mais comuns sobre a depilação com cera. Continue a leitura e fique por dentro!  

Afinal, depilação com cera deixa a pele flácida? 

Mito. A cera não é capaz de causar flacidez em nenhuma região do corpo. Isso porque a causa da pele flácida é o enfraquecimento das fibras de colágeno que acontece em decorrência do envelhecimento. 

Portanto, como a cera é aplicada apenas na primeira camada da pele, não há nenhuma chance dele penetrar mais profundamente na pele e causar qualquer dano nas fibras de colágeno. 

Porém, é preciso ter cuidado com a frequência do procedimento. Caso você não respeite o período recomendado entre uma depilação e outra, pode ocorrer sim um desgaste excessivo na pele, levando a uma aparência mais flácida. 

Causas da flacidez na pele

Além do envelhecimento natural há outros fatores que podem deixar a pele flácida. São eles: 

  • Desnutrição; 
  • Desidratação da pele; 
  • Alimentação inadequada; 
  • Exposição solar em excesso sem o uso adequado de protetor solar. 

Cuidados recomendados para evitar flacidez na pele 

  • Siga o recomendado pelos especialistas e respeite o espaçamento entre as depilações que deve ser a cada vinte dias ou uma vez por mês; 
  • Certifique que o produto utilizado na depilação com cera é descartável; 
  • Uso filtro solar sempre que for se expor ao sol. FPS de no mínimo 50 para o rosto e de 30 para o corpo;
  • Dê preferência para a realização do procedimento com profissionais treinados para aplicação de uma técnica segura e confortável. 

A depilação com cera quente pode causar manchas na pele? 

Verdade. Existe a probabilidade de a cera influenciar no surgimento de manchas na pele. Mas isso só vai acontecer se você não seguir a recomendação de uso de um protetor solar adequado. 

Essas manchas surgirão pois a pele fica mais sensibilizada após o procedimento com cera, logo, mais suscetível a danos quando exposta. 

Leia também: Como clarear manchas na pele? Dicas de como tratar e prevenir

Depilação com cera pode causar varizes?

Mito. As varizes nada mais são do que veias dilatadas que sofreram danos circulatórios. Contudo, para que isso aconteça é preciso atingir camadas profundas da pele, o que não é possível com o uso da cera. 

O que pode acontecer é a dilatação momentânea dos vasos, principalmente em decorrência do calor excessivo da cera quente. Porém, esse efeito não é duradouro. 

Caso você tenha predisposição à varizes, o mais recomendado é se atentar quanto à temperatura utilizada na depilação com cera. 

Cera quente dói menos do que cera fria? 

Verdade. A alta temperatura da cera contribui para a dilatação dos poros, o que facilita a remoção dos pelos, proporcionando assim um procedimento mais confortável. 

O procedimento de depilação com cera quente pode ser realizado por você mesma em casa ou em clínicas de estética. Porém, manusear a cera quente sozinha pode representar um grande risco, afinal, é preciso saber o ponto exato da temperatura do produto para aplicá-lo na pele, do contrário os riscos de danos são enormes. 

Os pelos tendem a encravar com mais facilidade com a depilação com cera?

Mito. Os pelos encravados, também conhecidos como foliculite, surgem pela falta de cuidados adequados na região ou ainda pelo uso de métodos mais agressivos, como é o caso da lâmina, por exemplo. 

Aproveite e leia este artigo com dicas de como evitar e tratamentos para a foliculite

Grávidas podem depilar com cera? 

Verdade. Inclusive, a depilação com cera é um dos métodos mais recomendados pelos especialistas. 

Quando elaborada a partir de ingredientes naturais, a cera vai minimizar os riscos de irritação no local da depilação. Nas unidades Pello Menos, contamos com um produto exclusivo e diferenciado, o que contribui para uma depilação na gravidez mais tranquila.

Qual o tamanho ideal do pelo para depilação com cera? 

É ideal que o pelo tenha entre 5 e 7 milímetros, ou seja, cerca de 0,5 e 0,7 cm

Esse comprimento mínimo é importante para que a cera consiga “grudar” nos fios e arrancá-los com mais facilidade. Quando os pelos estão muito curtos, provavelmente será necessário aplicar a cera mais vezes na região a ser depilada, o que pode causar um desconforto maior para a cliente.